Como Ser Indenizado por Viagens Aéreas Problemáticas

Muita gente deveria saber como ser indenizado por viagens aéreas problemáticas, mas, infelizmente, não sabe. Milhares de pessoas que viajam para o exterior, tem vários transtornos, ou com conexões, ou com voos, ou com bagagens. Contudo, não fazem ideia que todas as chateações são passíveis de uma compensação financeira por parte das empresas aéreas.

Nem sempre a viagem sai como planejada. Claro que atrasos em voos acontecem, mas isso não significa, necessariamente, que o passageiro tenha obrigação de os aceitar passivamente. Por contrário, se ele esteve num voo que atrasou, ou que foi cancelado ou sobrelotado (overbooking), ele pode ter direito a uma compensação de até 600€. E mais, o direito é retroativo até os últimos três anos!

Como Ser Indenizado por Viagens Aéreas Problemáticas
Como Ser Indenizado por Viagens Aéreas Problemáticas

Você sabe como viajar de graça usando milhas do cartão de crédito? Certamente, o uso no dia a dia de um cartão de crédito cadastrado, já é suficiente para você começar a acumular pontos para sua viagem! Essas milhas acumuladas podem ser transferidas para o seu programa de pontos escolhido. Isso, claro, para você poder viajar de graça e ainda aproveitar todas as vantagens do Cartão de Crédito.

Conheça Seus Direitos

Estudos mostram que, apesar de cerca de 8 milhões de pessoas em todo o mundo terem direito a compensação, menos de 2% deles estão, ao menos, cientes desses direitos. O Goflipa quer devolver esse poder aos nossos leitores, que viajam a turismo ou a trabalho. Chegou a hora de conhecer os seus direitos financeiros sobre 4 desagradáveis situações numa viagem.

Como Ser Indenizado por Atrasos de Voos

Sabe-se que atrasos em voos sempre vão acontecer. Contudo isso não quer dizer que nada pode ser feito. A legislação da União Europeia (UE) sobre os direitos dos passageiros aéreos é oficialmente reconhecida como Regulamento (CE) n.° 261/2004, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 11 de fevereiro de 2004. É um nome comprido, por isso, o apelidamos apenas de CE 261.

A CE 261 é uma lei europeia que obriga todas as empresas aéreas a compensarem seus passageiros. Seja por atrasos prolongados, ou cancelamentos ou por voos sobrelotados. Os passageiros de voos da UE, elegíveis ao CE 261, devem receber indenização de até €600 (euros) por atrasos maiores que 3 horas. Imagine isso como uma recompensa financeira dos aborrecimentos que teve na viagem de avião.

Como Ser Indenizado por Cancelamentos de Voos

Voos cancelados representam sérios problemas para os planos de viagem de alguém. Seria excelente se nunca acontecerem, todavia a boa notícia é que, na UE, o passageiro tem direito a uma indenização. Claro, isso sempre que o voo for cancelado inesperadamente. Se a empresa aérea não avisar com, no mínimo, 14 dias de antecedência, o cliente pode ter direito a receber uma indenização de até €600 pelo aborrecimento.

Então, em caso de cancelamento, a determinação de elegibilidade e/ou do valor da compensação é mais complicada. Tendo em vista que depende de diversos fatores. Mas nós já pesquisamos para você e descobrimos que a AirHelp Cancelamentos tem uma lista detalhada. Isso para você verificar se é ou não elegível para conhecer os seus direitos enquanto passageiro aéreo e para continuar a sua viagem.

Como Ser Indenizado por Perda de Conexão

Se perdeu uma conexão de voo, os direitos variam muito. De acordo com a companhia aérea, o país ou a região de onde ela saiu e ainda o país onde está sediada. Para piorar ainda mais a complexidade, alguns tribunais da UE interpretam esse regulamento de perspectivas diferentes. Então eles poderão não incluir as conexões anteriores à distância contemplada.

Desde que todos os voos estejam incluídos na mesma reserva, e, resguardada pela CE 261, o seu voo seja elegível por um atraso superior a 3 horas, a companhia aérea é obrigada a dar-lhe a sua compensação. Uma das formar de ter a certeza dessa eleição é pesquisar os casos na AirHelp Perda de Conexão. Ou seja, uma verificação rápida da possibilidade de compensação.

Problemas com a Bagagem

Viagens aéreas podem ser difíceis para malas, que vez por outra sofrem danos ou até desaparecem! Ao ser separado dos pertences, um voo calmo pode transformar-se num pesadelo para o viajante. Por isso, é justo receber uma indenização. Sob as leis dos EUA e de Montreal aos direitos dos passageiros aéreos, a compensação máxima de uma empresa aérea por bagagem perdida ou danificada é de U$1525 a U$3500.

O passageiro deve conservar o tanto cartão de embarque como os recibos da sua bagagem. Além disso, fazer uma lista detalhada dos artigos que estavam dentro da sua mala. No cenário ideal, terá recibos de todos os seus pertences, porque sem eles não tem como reivindicar indenização pelos objetos na sua bagagem extraviada.