Esses são os destinos de viagem que todo fã de Harry Potter deve conhecer

Sabia que dá para unir dois amores da vida em uma mesma ideia? É fácil: quem é fã do Harry Potter poderia criar um roteiro de viagens que levasse em conta essa paixão. E isso realmente é possível, ainda mais se o interessado prevê uma viagem para a Europa. Continue lendo para descobrir tudo.

ANÚNCIO

Por curiosidade, já considere que a maioria das cenas de Harry Potter foram gravadas na Inglaterra e na Escócia. Por isso, os lugares citados são referentes a esses países. Só que queremos quebrar as regras em alguns momentos, como nesse primeiro tópico, leia.

Esses são os destinos de viagem que todo fã de Harry Potter deve conhecer
Foto: (reprodução/internet)

Escola de Magia e Bruxaria (Brasil)

A gente vai começar esse texto de um modo diferente, bem fora do comum. Então, esse lugar realmente existe e não foi mencionado em filmes e nem em livros. Mas, para quem é brasileiro e fã do Harry Potter, talvez seja o lugar mais acessível para estar porque é dentro do Brasil.

Esses são os destinos de viagem que todo fã de Harry Potter deve conhecer
Foto: (reprodução/internet)

A Escola de Magia e Bruxaria fica em Campos do Jordão e tem a estrutura de um castelo medieval. Fica aberta para visitação e aceita até mesmo quem não é bruxo, sabia? Logo, é uma ótima ideia para começar a se sentir dentro da história do menino Harry.

Na internet, é possível encontrar vários pacotes de viagens para esse mundo fantasioso. Assim, a BEM (Escola de Magia e Bruxaria) permite passeios e visitações diárias. Um pacote de viagens de 4 dias em Campos do Jordão com esse passeio pode sair por R$ 2,5 mil. 

Steall Fall (Escócia)

Há vários motivos para trazermos esse cenário de Harry Potter aqui e você vai ver alguns deles. O primeiro é que é um lugar paradisíaco para quem gosta de cachoeiras, o que não é tão comum de acontecer no universo do HP, mas faz algum sentido. 

ANÚNCIO
Esses são os destinos de viagem que todo fã de Harry Potter deve conhecer
Foto: (reprodução/internet)

Isso porque Steall Falls é considerada a segunda maior cachoeira de toda a Grã-Bretanha. E, além disso, foi usada como pano de fundo para várias cenas das partidas de quadribol. Em outro momento, apareceu em Cálice de Fogo, quando o Harry derrota o Dragão Rabo-Córneo.

Na vida real, esse lugar também tem outros nomes, que podem aparecer em roteiros turísticos. É o caso de Na Steall Ban ou Steall Waterfall, por exemplo. É o mesmo lugar e fica em Glen Nevis, próximo a Fort William, que você vai conhecer mais abaixo.

Millennium Bridge (Inglaterra)

A Millennium Bridge é uma ponte moderna toda feita em aço e que corta o Rio Tâmisa. Assim, acaba ligando a zona de Bankside com a cidade londrina, mais importante do país. Bem, e aí vem a pergunta: por que os fãs de Harry Potter gostam desse lugar?

Esses são os destinos de viagem que todo fã de Harry Potter deve conhecer
Foto: (reprodução/internet)

A primeira coisa é saber que mesmo quem não é fã do bruxo vai gostar de passar por ali porque o lugar é incrivelmente lindo. Mas, fora isso, vamos nos ater ao enredo. Tente se lembrar da história sobre o Enigma do Príncipe

Em algum momento, os comensais da morte chegam em Londres e destroem toda a cidade. Um dos monumentos que cai é justamente a Millennium Bridge. A boa notícia é que isso só aconteceu no filme. Então, dá para ver o lugar intacto em um passeio à Londres.

Fort William (Escócia)

Talvez, mas só talvez, esse nome não lhe venha na memória. O que será que é Fort William? Mas, quando a gente falar sobre fazer um passeio no trem ou locomotiva que foi usada para as gravações dos filmes iniciais do bruxo mais famoso do mundo, aí sim todo mundo vai saber.

Esses são os destinos de viagem que todo fã de Harry Potter deve conhecer
Foto: (reprodução/internet)

É isso mesmo! O Jacobite é um comboio a vapor que realiza a viagem do Harry Potter e pode levar turistas amantes do personagem. Ele passa, inclusive, pela ponte Glenfinnan. Isso mesmo, a ponte que tem 21 arcos que aparece nos filmes de fantasia do HP.

Para sermos mais exatos, o trem sai de Fort William, que é considerada a maior cidade das Terras Altas da Escócia e termina em Mallaig, uma cidade portuária. O caminho todo dura apenas 6 horas, que passam bem mais rápido do que parece. Bora ir no Hogwarts Express?

Christ Church College (Inglaterra)

Também na Inglaterra, mas agora em Oxford, a gente tem um cenário que foi muito importante em vários filmes do Harry Potter. Aliás, esse lugar parece mais da ficção do que da realidade, de tão incrível que é. Vale a pena a visita.

Esses são os destinos de viagem que todo fã de Harry Potter deve conhecer
Foto: (reprodução/internet)

Dentro desse lugar, a gente tem o Great Hall, que é aquele espaço usado por alunos e professores na vida real. Enquanto isso, nos filmes, ele foi usado para que os personagens fizessem as refeições e reuniões, é o Grande Salão de Hogwarts.

Por curiosidade, saiba que a história desse lugar começa a ser contada em 1525. Foi quando um lorde fundou a Cardinal College. Ele planejou cada centímetro do lugar, considerando uma escala magnifica. Só que a ideia foi arruinada em 1529. A refundação foi em 1532.

Loch Shiel (Escócia)

Já deu para notar que Escócia e Inglaterra são os países mais usados como cenário de Harry Potter, certo? Nesse caso, estamos diante do Lago Negro, que fica aos pés de Hogwarts e aparece muitas vezes em praticamente todos os filmes do Harry Potter.

Esses são os destinos de viagem que todo fã de Harry Potter deve conhecer
Foto: (reprodução/internet)

Uma das cenas mais interessantes é quando o Harry voa o lago bem próximo à água, em uma espécie de voo rasante. Bom, o verdadeiro cenário é o Loch Shiel, que tem 28 quilômetros de comprimento e 120 metros de profundidade. Ele fica em Lochaber, perto de Fort William.

O que pouca gente sabe é que esse lago é uma Área de Proteção Especial, já que tem uma grande importância para a criação de mergulhão-do-ártico e de águias-reais. Assim, várias espécies vivem ali. O lago também foi usado no filme The Master of Ballantrae, de 1953.

Castelo Alnwick (Inglaterra)

De novo, a Inglaterra, afinal, é um país onde mais as cenas de Harry Potter foram gravadas. Então, quem vai para esse país tem que aproveitar para conhecer os múltiplos lugares em que o pequeno Harry esteve durante a sua saga.

Esses são os destinos de viagem que todo fã de Harry Potter deve conhecer
Foto: (reprodução/internet)

O Castelo Alnwick é um deles. Foi ali que aconteceu a primeira aula de voo dele, junto com a sua turma. O castelo existe de verdade, por mais que muita gente pense que se trata de uma ilusão de ótica ou programação de computador.

E estar ali torna impossível não se lembrar do Harry indo atrás de Malfoy para salvar o item de Neville. Foi assim que ele garantiu uma vaga no time de quadribol. Lembrou? Esse castelo foi construído em 1096 pela Família de Vescy e teve a importante batalha de Alnwick, em 1174.

The Lockhart (Canadá)

Já perto de terminar o conteúdo, vem uma novidade e tanto. A gente quer trazer aqui algum lugar que foge dessa relação Escócia-Inglaterra (Reino Unido). Então, bem perto do Brasil, a gente tem o Canadá, mais especificamente, Toronto. 

Esses são os destinos de viagem que todo fã de Harry Potter deve conhecer
Foto: (reprodução/internet)

Por lá, dá para encontrar o The Lockhart, um lugar muito atrativo para quem é fã da história do Harry Potter. O bar é totalmente inspirado nesse cenário, sendo que mesmo não encontrando os personagens lá, a pessoa se sente dentro do filme. 

Na internet, dá para encontrar diversas informações sobre esse lugar incrível. Inclusive, descobrir quais as bebidas (ops, poções mágicas) que são servidas lá. No Instagram oficial, os idealizadores mostram fotos, imagens e até mesmo vídeos do lugar. É só uma palhinha.

Curiosidade: The Elephant House (Escócia)

Se você chegou até essa parte do texto, ótimo. No entanto, saiba que esse lugar não foi mencionado em nenhum filme do Harry Potter. Então, não adianta ficar procurando imagens na internet para ver a semelhança porque ela não existe.

Esses são os destinos de viagem que todo fã de Harry Potter deve conhecer
Foto: (reprodução/internet)

Então, por que citamos o The Elephant House? Porque foi o lugar que serviu de inspiração e era onde a J. K. Rowling escrevia a maior parte das suas cenas e histórias. Logo, sem dúvidas, é um lugar que se tornou ícone na Escócia por esse “simples” fato. Muito legal, né?

O lugar que não era tão conhecido assim, hoje se tornou uma parada obrigatória para os fãs da saga. Ele serve um cardápio francês, italiano, escocês e muito variado. Tem uma boa nota de reputação nos canais de viagens online. Sendo que a comida é muito elogiada. Porém, o preço subiu depois que a autora passou por lá.

Do Brasil para Londres e de Londres para Edimburgo

Para finalizar o conteúdo de um jeito dinâmico e que vai deixar qualquer leitor com água na boca, saiba que fomos atrás da informação. De fato, é possível fazer uma viagem que se liga aos cenários de Harry Potter: Brasil, Inglaterra e Escócia. Aliás, dá até para pensar em incluir outros países do Reino Unido nessa viagem.

Pegue o avião do Brasil e chegue até a Inglaterra. Já o caminho entre Londres e Edimburgo pode ser feito de trem, o que vai levar pouco mais do que 4 horas e 390 libras. Para quem quiser curtir muito a viagem, dá até para ir de ônibus, mas isso levaria o dobro de tempo, apesar de ser mais barato, obviamente.

ANÚNCIO