Como conseguir wi-fi grátis nas viagens – Confira

Em viagens para o Brasil ou outros países é muito comum que os turistas sofram com o problema da conexão com a internet. Isso porque estamos muito conectados e dependente dela o tempo todo. Só que ao sair da origem, os sinais podem se tornar ruins ou nulos.

ANÚNCIO

É nessa hora que bate o desespero em muita gente. Afinal, o que adianta conseguir tirar uma foto e não postar? Ou como falar com as pessoas pelo WhatsApp? E sobre os pagamentos por transferências? Sem internet, eles não acontecem. 

Dessa forma, a saída pode ser se conectar através de uma rede de wi-fi gratuita, o que é uma verdade e uma realidade em todo lugar do mundo, inclusive, no Brasil. Neste conteúdo, você vai ver como encontrar os pontos de internet grátis em vários países. 

Como conseguir wi-fi grátis nas viagens - Confira
Foto: (reprodução/internet)
  • O roaming de dados do celular;
  • Como ter wi-fi de graça em qualquer lugar;
  • Tem wi-fi grátis no aeroporto;
  • O wi-fi gratuito na Argentina;
  • Qual o melhor aplicativo para pegar wi-fi de graça.

O roaming de dados do celular

Antes de falarmos sobre o wi-fi gratuito em viagens, você precisa entender o que é esse tal de roaming de dados porque toda operadora oferece o serviço. De forma muito resumida, é um plano de contratação para ter acesso à internet de modo mais rápido.

Como conseguir wi-fi grátis nas viagens - Confira
Foto: (reprodução/internet)

Na prática, você já pode imaginar que não é bem assim que funciona. Aliás, a contratação é quase que automática, já que ao chegar em outro país, o usuário receberá um SMS da operadora ofertando o serviço. Os planos partem de US$ 7,50 dólares por dia. 

Ou seja, é bem caro. Para quem não comprou o chip internacional pode ser uma boa ideia, mas somente se precisar muito da conexão na chegada ao exterior. A conexão não é tão boa como eles dizem e a cota do dia termina em minutos. 

ANÚNCIO

O chip local ou simcard

Depois vem a opção do chip local, conhece? Ele é interessante porque mantém o funcionamento do seu celular regular. Dá para comprar o chip pré-pago mesmo estando no Brasil e já chegar em solo internacional com muita internet para usar. 

Para quem vai ficar mais do que 5 dias no exterior, costuma ser uma boa ideia. Ainda mais se precisar estar conectado por bastante tempo para falar com familiares e amigos. Mas, se for menos do que isso, aí não vale a pena do ponto de vista financeira.

Neste caso, pensando em alguém que fará uma espécie de tour pela Europa, a dica é usar chips multipaíses, que são opções que permitem o uso em mais de 100 países. No entanto, ele custa caro, partindo de US$ 100. Para todos os casos, usar o wi-fi gratuito será mais barto.

Como ter wi-fi de graça em qualquer lugar

De modo geral, é possível encontrar wi-fi gratuito em vários lugares públicos, como praças, parques, shoppings centers, restaurantes, aeroportos, rodoviárias, postos de conveniência e muito mais. Isso porque as empresas possibilitam a rede para os seus clientes.

Como conseguir wi-fi grátis nas viagens - Confira
Foto: (reprodução/internet)

Até mesmo as operadoras de telefonia possuem estações com essa rede fixa, o que torna possível acessar o wi-fi de vários lugares do mundo. No Brasil, é possível encontrar vários pontos da Claro, Oi, Vivo, Tim e outras companhias.

Fora daqui, também. O que quer dizer que em viagens para outros países, mesmo quando tiver sem o roaming de dados ou sem a conexão da rede móvel, as pessoas podem estar conectadas. Inclusive, alguns aplicativos ajudam a encontrar o wi-fi mais próximo. 

Como ter wi-fi em viagem

Para se conectar à internet durante viagens, as pessoas podem usar várias ferramentas e ideias. Por exemplo, o chip internacional e o chip local. No entanto, nem sempre dá para usar a internet por muito tempo a partir desses chips, que vem do sinal móvel.

Aí, a melhor solução se torna a rede fixa, isto é, a internet de banda larga, que conhecemos como wi-fi. O problema é que esse é um serviço pago e que é cobrado pelas empresas, na maioria dos casos. Só que o texto de hoje é para falar de outra coisa: o wi-fi grátis.

O primeiro ponto é considerar que hotéis, resorts e outras hospedagens dão esse benefício da internet gratuita para os hóspedes. Depois, vem os lugares públicos, como vimos acima, no caso de shoppings e praças. Aí a pergunta é: como descobrir onde tem wi-fi grátis?

Tem wi-fi grátis no aeroporto

Para quem quer saber de lugares que são certeiros para encontrar a internet gratuita em outros países, leve em conta que os aeroportos, em quase sua totalidade, tem essa opção. Então, permitem o sinal 5G, assim como acontece no Brasil, em Congonhas e outros.

Como conseguir wi-fi grátis nas viagens - Confira
Foto: (reprodução/internet)

No entanto, o que se deve atenção é para o fato de que muitas vezes também se cria uma regra, a qual permite o acesso apenas para quem é passageiro de algum voo. No Brasil, os mais de 50 aeroportos da Infraero possuem esse serviço para os passageiros que vão voar.

Há um aplicativo que promete informar a senha de todos os aeroportos do mundo. No entanto, não conseguimos testar por que tem um custo de R$ 7,99. Se você ficou interessado e quiser saber mais, o nome dele é WiFox. 

Tem wi-fi no avião também

As companhias aéreas também costumam permitir o sinal de internet móvel sem cobranças para os seus passageiros. Um bom exemplo vem da Air France, que tem o Pass Message, que é grátis para WhatsApp e iMessage. O Pass Surfe e o Pass Stream são pagos.

No Brasil, a Azul Linhas Aéreas tem esse serviço, mas diz que é preciso verificar se a aeronave possui o “Modo Azul de Viajar”. Assim, para usar, basta se conectar no navegador www.azulwifi.com. Depois, seguir as instruções de uso.

Na Gol e na Latam, a mesma linha. Sendo que muda o endereço de navegador, apenas. Na Gol, por exemplo, eles incentivam o uso do #wifiPRIMEIROnaGOL porque se autodenomina como a primeira empresa do país a oferecer o serviço lado da Avianca Brasil. 

O wi-fi gratuito na Argentina

Para exemplificarmos essa ideia do wi-fi gratuito em vários lugares, vamos partir para a Argentina, mais especialmente em Buenos Aires. Por lá, temos o que é chamado de BA WiFi. E você que já foi para lá deve ter lido isso em alguma placa.

Como conseguir wi-fi grátis nas viagens - Confira
Foto: (reprodução/internet)

Para esse exemplo da capital argentina, saiba que quase todos os lugares públicos contam com o sinal de internet grátis, inclusive, as estações de metrô. O acesso fica liberado 24 horas por dia e durante todos os dias do ano, até mesmo em datas especiais como o Natal.

Então, se tiver neste lugar e quiser se conectar, qual é a dica? Entre no seu celular e procure por um sinal BA WiFi. Na sequência, leia os termos de uso e permita o serviço a funcionar. Prontinho, você está conectado. Mas, tome os devidos cuidados cibernéticos, hein. 

Outros lugares do mundo com wi-fi grátis 

Para quem está fazendo uma viagem aos Estados Unidos, considere que esse é um dos países com mais opções de wi-fi gratuito. Um ótimo exemplo vem dos pontos turísticos que ficam em Manhattan, no Brooklin e no Queens. 

Na Austrália, que é um lugar muito visitado pelos brasileiros, Peth a cidade certa para quem não tem sinal da internet móvel e quer se conectar com o wi-fi grátis. Quase todas as ruas de Peth tem um ponto com internet gratuita às pessoas. 

Para quem vai visitar países mais exóticos, considere aí os que mais possuem essa alternativa da internet grátis. Tel Aviv em Israel tem mais de 80 pontos turísticos com a rede Free-TLV. Macau na China tem mais de 150 pontos, como museus e parques. O mesmo para Taipei, em Taiwan.

Qual o melhor aplicativo para pegar wi-fi de graça

Já chegando ao fim do texto, agora temos uma pergunta que é muito interessante de ser feita: como encontrar os pontos de internet gratuitos em qualquer lugar do mundo? É nessa hora que entram no assunto a questão dos aplicativos, que localizam tais sinais. 

Como conseguir wi-fi grátis nas viagens - Confira
Foto: (reprodução/internet)

De todos, o Instabridge é o aplicativo que encontra o sinal de wi-fi mais famoso entre os usuários. Aliás, tem muita gente que não parte em viagem sem ter ele ativo no celular. Para viajantes, é uma espécie de ferramenta que não pode faltar. 

Outros aplicativos para encontrar wi-fi grátis

Além do Instabridge, uma boa ideia é baixar e testar outros programas que poderão ser úteis para você durante a viagem. No Brasil, em plataformas de apps, os mais bem-pontuados são: WiFi Passwoard Recovery, Osmino WiFi e WiFi Magic. 

Outro aplicativo de wi-fi que tem sido muito falado é o WinBr+, que permite até mesmo a descoberta de senhas de wi-fi que não são gratuitos. No entanto, não há relatos sobre ele para o uso em outros países, apenas no Brasil. 

Os cuidados ao se conectar em redes wi-fi públicas

Quem precisa usar o wi-fi gratuito de espaços públicos deve ficar atento a isso porque em caso de falhas de segurança, os hackers podem roubar dados importantes. A primeira dica é ter sempre um programa antivírus instalado e ativo.

Depois, evitar acessar sites ou aplicativos que peçam a senha. Uma alternativa interessante é usar apenas a senha da biometria ou reconhecimento facial. Realizar transferências bancárias ou compras com o cartão online não é uma boa alternativa quando estiver no wi-fi público.

ANÚNCIO